Suspeito de assalto é atropelado após roubo a turista no Rio

Operação Praia começou no fim de setembro, com 850 PMs em toda a orla. Banhistas ainda sofrem com a sensação de insegurança.

O verão mal começou e os cariocas já estão reclamando da falta de segurança nas praias. Quase todo dia tem assalto e, nesta quinta-feira (5), não foi diferente. Em um dos casos, um suspeito de assalto chegou a ser atropelado, durante a tarde, após supostamente roubar o cordão de uma turista e ser perseguido.

Os casos de assalto nas praias, até mesmo em dias de semana, têm deixado muita gente assustada, mesmo que na maior parte do tempo o clima seja pacífico nas areias cariocas. Nesse verão, mesmo com a operação especial reforçando, os banhistas ainda sofrem com a sensação de insegurança.

A turista Márcia Cavalcanti, de São Paulo, estava na praia do Leme, na quarta-feira (4), quando presenciou um outro assalto. “Não vi polícia suficiente nem na hora que eles eram esperados pra prender os dois rapazes”, disse a turista.

A Operação Praia começou no fim de setembro, com 850 PMs em toda a orla, do Flamengo ao Recreio, até as 20h. Após esse horário, quem faz o policiamento é o batalhão dá área.

A equipe do RJTV percorreu alguns trechos da orla. No Leblon, durante a manhã, encontrou apenas dois PMs em bicicletas. Em Ipanema, nenhum policial foi visto. Já no Arpoador, foram vistos uma viatura e uma van da PM.

Na parte da tarde, havia policiais a cavalo na rua que liga Ipanema a Copacabana. Na praia de Copacabana, vários carros de polícia foram vistos.

g1

05/01/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *