Sec. de Segurança Pública de Alagoas apresenta 7 suspeitos de homicídios

Dentre os casos, está a suspeita de matar uma jovem grávida no dia 11/12. Quatro dos suspeitos foram presos por crimes passionais.

Sete pessoas suspeitas de homicídios foram apresentadas pela Secretaria de Segurança Pública (SSP-AL), na manhã desta sexta-feira (23). Dentre os presos está Larissa Laura da Conceição Silva, de 19 anos; suspeita de matar a Jamilly Batista, que estava grávida, na Cidade Universitária, em Maceió.

De acordo com a mãe de Jamilly, a autora do crime é esposa do pai do filho da vítima. Ela disse que ela agiu por ciúmes e não aceitava a gravidez da sua filha.

Outros seis suspeitos foram apresentados. O primeiro caso apresentado foi o de Daniel Santos da Silva, de 18 anos. Segundo a polícia, ele é vigilante e suspeito de matar um homem, na Feira do Tabuleiro. Ele disse que a vítima roubou peixes das barracas na feira. por estar roubando peixes das barracas.

Felipe Farias da Silva, 22, é suspeito de matar um homem em julho, e foi presso em flagrante na última sexta (16), por latrocínio no Benedito Bentes. José Diego Almeida, 25 anos, foi preso pela morte de uma pessoa no bairro da Pitanguinha, ele é suspeito de ser o autor intelectual do crime.

Outros três suspeitos foram apresentados por crimes passionais. José Luis dos Santos, 24, é suspeito de se envolver em uma briga em um bar no bairro do Jacintinho e matar uma pessoa a golpes de facadas.

Já Bruno Loureiro, 20, é suspeito de matar Daniela dos Santos, no mês de novembro. Segundo a polícia, Loureiro matou a vítima por ela estar chamando sua companheira para sair e induzindo a mesma a se divorciar do suspeito.

Outro caso de crime passional, foi o de Alisson Manoel Cerqueira, 25, que já foi preso por tráfico de drogas, suspeito de matar a ex-namorada por não aceitar o fim do relacionamento.

g1

24/12/2016

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *