Fóruns debatem o combate e cuidados contra o Aedes aegypti

combate-a-dengue-377x290

Com o objetivo de debater e orientar a população – em especial às pessoas que estão na faixa da Terceira Idade – sobre as temáticas de saúde mais presentes no nosso dia a dia ou que venham causando preocupação às comunidades, a Coordenação de Promoção e Educação em Saúde (COPES) da Secretaria Municipal de Saúde (SMS) tem realizado novas edições do Fórum de Promoção à Saúde em diversas localidades do município.

Promovidos pela Coordenação de Articulação e Mobilização Comunitária da COPES, os fóruns têm centralizado a abordagem nas temáticas “Enfrentamento contra o Aedes aegypti” e “Nutrição e sistema imune”, direcionando o foco desses encontros para o controle das três viroses transmitidas pelo mosquito.

“Além de levar esclarecimentos sobre a dengue, da febre chikungunya e do Zika vírus, procuramos sensibilizá-los sobre a necessidade de todos assumirem um papel de co-participação no combate ao mosquito, reforçando a importância dos cuidados preventivos dentro do seu próprio ambiente e na sua comunidade”, afirma a coordenadora de Articulação e Mobilização Comunitária, Adriana Araújo.

Ao tratar a temática voltada à alimentação, as nutricionistas Adriana Paffer, Kelly Valquíria Barros e Juliana Vasconcelos têm procurado – com a colaboração de estagiários do Curso de Nutrição da UFAL e da Faculdade Maurício de Nassau – abordar a questão do ponto de vista do fortalecimento da imunidade para o enfrentamento dessas três viroses, que vem afetando principalmente um grande número de pessoas idosas.

“Temos buscado orientar a todos, com base nos 10 passos para a alimentação saudável preconizados pelo Ministério da Saúde no Guia Alimentar da População Brasileira, a como melhorar seu padrão alimentar, para que o organismo possa estar melhor preparado e com a imunidade em dia, reduzindo consequências mais severas dessas doenças”, explica a nutricionista Adriana Paffer.

A Coordenação já promoveu o debate dessas questões – que incluem palestras, distribuição de folderes educativos e orientações nutricionais – para os moradores do Alto da Saudade e também para os do Trapiche. Nas duas ocasiões, o encontro aconteceu no Complexo Lourenço Vasconcelos, espaço cedido à Prefeitura de Maceió pela empresa Braskem. A iniciativa foi levada ainda para o Centro Cultural da Rua Cabo Reis, no Vergel do Lago, contando com a participação do Grupo de Terceira Idade da localidade.

Nesta sexta-feira (29), será a vez da comunidade e integrantes da Colônia de Pescadores do Pontal da Barra participarem do Fórum, que reúne os moradores a partir das 9h.

Ascom SMS