Defensoria Pública participa de Mutirão de Mediação e Conciliação de processos cíveis

Com a finalidade de promover a conciliação e estimular a resolução de conflitos através de acordos, terá início na próxima segunda-feira, 11, um mutirão de Mediação e Conciliação, no Fórum da Capital, situado no Barro Duro. A ação, que se estenderá até o dia 14 de dezembro, contará com a participação de cerca de dez defensores públicos por mês.

De acordo com o Tribunal de Justiça (TJAL), aproximadamente 2.600 audiências estão pautadas para o evento. Os processos são referentes às áreas cível e de família do Setor de Conciliação Processual do Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (CJUS).

O mutirão é uma realização da Escola Superior da Magistratura de Alagoas (Esmal), em parceria com o Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos (NJUS) do TJAL, e com o apoio da Defensoria Pública.

Participam do evento, durante o mês de setembro, os defensores públicos Thaís Moreira, Karina Gonçalves, Marlina Léa dos Anjos, Daniela Protásio Santos, Nicolle Januzi, Daniela Times, Andresa Wanderley, Roberta Bortolami e Arthur Cesar Loureiro.

08/09/2017

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *