Coletor de lixo pula portão de casa e ajuda mãe de bebê que passava mal

rua_bebe_lixo_1

Um coletor de lixo da prefeitura de Itapetininga (SP) ajudou a salvar um bebê de apenas 20 dias, na manhã desta sexta-feira (20), no Jardim Bela Vista. De acordo com a vizinha Rosélia Bueno, a moradora estava com a criança no colo passando mal e começando a engasgar, quando começou a gritar por socorro por não achar a chave do portão e o filho já começar a ficar arroxeado.

Ao ver a cena, o coletor parou de recolher o lixo na rua Mário Moreira, pulou o portão e auxiliou a mãe com os primeiros socorros. “Eu estava indo à padaria, quando ouvi os gritos da vizinha. Ela estava desesperada com o filho no colo e não estava achando a chave do portão. Foi então que o coletor decidiu parar tudo que estava fazendo, pulou o portão e entrou para dar assistência. Em seguida, acionamos uma equipe de resgate. A criança voltou a ficar normal e ele voltou para o caminhão e foi embora para continuar o trabalho”, contou.

Atitude fundamental
Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi até o local. Segundo o Coordenador Regional do Samu, Jerônimo Fernando Dias, a atitude do coletor foi fundamental. “Uma atitude muito nobre do coletor de ir até a casa da moradora e prestar os primeiros-socorros. Nossa equipe chegou e o bebê já estava normal e respirando”, afirma.

Ainda segundo Jerônimo, a criança não chegou a engasgar, mas passou mal com o leite. “Ela não chegou a engasgar de fato, mas passou mal e teve refluxo. Ela foi levada para o pronto-socorro, onde foi atendida e passa bem”, informou o coordenador.

Para a vizinha Rosélia, o fato do coletor prestar auxílio para mãe da criança chamou a atenção dos moradores. “Foi muito nobre ele ter se disposto a ajudar. Fez de tudo para que o bebê ficasse bem e a mãe se acalmasse. Ele está de parabéns”, ressalta.